MC Cabelinho é Intimado por Apologia ao Crime e emite nota oficial

MC Cabelinho é intimado pela polícia civil para depor: “Eu canto o que eu vivo na favela”.

A assessoria de imprensa de MC Cabelinho informa que o artista esteve, na manhã de hoje, na Cidade da Polícia, para responder ao processo de verificação de inquérito policial instaurado em decorrência da sua música “Migué”, cuja letra compôs em parceria com o cantor MC Maneirinho, e que foi lançada em março deste ano. A acusação feita por um deputado do PSL, visa investigar os dois artistas por suposta “apologia ao consumo de drogas” e “quiçá em associação para o tráfico”. A equipe jurídica do funkeiro já entrou com a defesa e o artista está totalmente disponível para esclarecer os fatos na delegacia:
 
“Vocês querem que eu cante sobre o que? Em muitas das minhas letras falo mesmo o que eu vi e do rolê violento da vida de todo morador de comunidade. E podem ter certeza que, até onde puder, eu vou continuar fazendo a minha música assim. Prenderam Renan da Penha e querem me prender. Vão querer prender todo o favelado que consegue espaço e reconhecimento na sociedade”.

Sharing is caring!

Deixe uma resposta