“‘Maria’ é a minha Mona Lisa”, descreve Emy Perez sobre sua nova música ao lado de DFRNS

Misturando sons latinos com elementos do Flamenco, "Maria" é a nova faixa de Emy Perez ao lado de DFRNS que reflete sobre a história de sua pátria, Venezuela, na época dos conquistadores e da escravidão.  Entre uma mescla de sons aborígenes com um toque moderno, "Maria" é impactante aos ouvidos e foi o resultado de uma prolífica sessão de estúdio entre os artistas. O projeto DFRNS, de Hidde Huijsman e Massimo Cacciapuoti, foi lançado este ano com "Zoom Zoom", também ao lado de Emy Perez, mas anteriormente o duo produzia tracks de Pop, R&B, Hip Hop e Reggaeton até se encontrarem na cena eletrônica. "Maria é a minha Mona Lisa, e ser uma artista é justamente sobre isso. Descobri ao longo dos anos o meu gosto musical, a minha herança e

Como o álbum “Nevermind” do Nirvana sacudiu o mundo

Nevermind do Nirvana - lançado há 30 anos - ofereceu uma saída subversiva para um público global, escreve Arwa Haider, que descobre seu impacto em pessoas de países como Brasil, Polônia e Japão. Por Arwa Haider Trinta anos após seu lançamento, o álbum Nevermind, do trio de rock de Seattle, Nirvana, mantém um poder evocativo. Quando ouço suas notas de abertura, sou levado de volta a uma festa de adolescentes no subúrbio de Londres; naquela sala escura, eu podia sentir guitarras e máquinas lutando por minha alma. Fiquei emocionado com os sons de Nevermind, mas como uma jovem obsessiva por música (que por acaso também era uma britânica muçulmana iraquiana), me senti marginalizada pela cobertura da imprensa em torno do álbum e pela florescente cena

Guitarra que Johnny Ramone tocou por quase 20 anos está em leilão

Depois de passar 25 anos como uma exposição no Rock & Roll Hall of Fame Por Daniel Peters **Crédito da imagem no topo: (Ramone (guitar) Joey Ramone (vocals) | Photo by Richard E. Aaron/Redferns) Uma guitarra usada extensivamente pelo falecido guitarrista dos Ramones , Johnny Ramone, está agora em leilão. A guitarra elétrica Mosrite Ventures II de 1965, entre outras parafernálias dos Ramones, foi listada pela RR Auction . De acordo com a casa de leilões, Ramone - nome verdadeiro John Cummings - usou o violão de 1977 a 1996, tocando-o em todas as apresentações ao vivo, um total estimado de 1.985 shows. A guitarra também apareceu em todos os 15 álbuns ao vivo e de estúdio de Ramones durante esse período. Esses incluem 'Rocket to Russia', 'End of the Century' e

Americano Krozs une rap, música brasileira e pop no single e clipe “Wishlist”

Com imagens feitas por Leandro Caproni, clipe é homenagem ao diretor falecido em 2019 Cantor, compositor e ator estadunidense, Krozs celebra o lado bom da vida na esperançosa “Wishlist”. Composta como uma lovesong para uma paixão adolescente, a faixa ganha tons de celebração à arte e à vida com as imagens feitas anos atrás pelo filmmaker Leandro Caproni. O diretor foi uma pessoa muito importante na trajetória tanto pessoal como artística de Krozs, e esta música chega como uma homenagem ao seu amigo. Krozs e Leandro se conheceram em Nova York e se conectaram instantaneamente. Como a ideia de Caproni era ligar São Paulo e NYC através de seus projetos audiovisuais, resolveram fazer esse trabalho em conjunto que acabou parado desde o

NAS celebra a vida em clipe com LeBron James e Russell Westbrook

“Brunch on Sundays” faz parte do álbum “King’s Disease II” Lenda do hip hop nos últimos 30 anos, NAS celebra a vida no vídeo para “Brunch on Sundays”. Como o nome sugere, o clipe traz uma reunião de pessoas para um almoço e entre os convidados estão os astros da NBA LeBron James e Russell Westbrook. Além dos jogadores do Los Angeles Lakers, o vídeo traz ainda Hit-Boy, Swizz Beatz, Cordae, Lil Rel e muitos outros. A faixa é uma parceria com Blxst - que aparece no clipe - e é um dos destaques do décimo quarto álbum de estúdio de Nas, “King’s Disease II”.  Com participações especiais de artistas como Ms. Lauryn Hill, EPMD, Eminem, A Boogie Wit da Hoodie e

Santana, Diane Warren e G-Eazy apresentam uma paixão explosiva no clipe “She’s Fire”

“Blessings and Miracles” será lançado no dia 15/10 Rock e rap se unem para refletir uma paixão explosiva em “She’s Fire”, faixa que une o lendário Santana, a multipremiada compositora Dian e Warren e o flow de  G-Eazy. O single, que ganha um clipe, é um dos destaques de “The Cave Sessions Vol. 1”, disco de estreia de Warren e estará em “Blessings and Miracles”, o novo álbum de estúdio do guitarrista mexicano. Este é um lançamento BMG.  “Diane tem um dom incrível, com a capacidade de pintar um quadro e transportar o ouvinte a um lugar de emoção e paixão. Suas letras e arranjos fazem parte da base da música mundial e devem ser apreciados para sempre”, conta Carlos Santana. Diane Warren,