James Ingram, lenda do R&B, morre aos 66 anos

O cantor de rhythm and blues James Ingram, que ganhou dois prêmios Grammy e dois sucessos da Billboard Hot 100 por décadas de carreira, morreu aos 66 anos. A notícia foi compartilhada via Twitter pela amiga e parceira criativa de Ingram, Debbie Allen, na terça-feira. (29 de janeiro)

Ainda não há detalhes sobre quando ou como Ingram morreu.

“Eu perdi meu querido amigo e parceiro criativo James Ingram para o Coro Celestial”, Allen twittou. “Ele sempre será amado, amado e lembrado por seu gênio, seu amor pela família e sua humanidade. Sou abençoado por ter estado tão perto. Nós sempre falaremos o nome dele.”

Ao longo dos anos 80, Ingram foi um dos notáveis  hitmakers do seu tempo. Sua música mais famosa foi seu dueto com Patti Austin, “Baby Come To Me”, que ficou em primeiro lugar nas paradas:

Outras canções memoráveis incluem “I Don’t Have the Heart” – que ficou em primeiro lugar em 1990 – “Somewhere Out There”, “Yah Mo Be There”, e “One Hundred Ways” de Quincy Jones. Ingram também levou para casa cinco Grammy. Ele também registrou sucessos como compositor, co-gravando o top 10 do Hot 100, “PYT (Pretty Young Thing)”, do álbum Thriller, bem como músicas gravadas por Pointer Sisters, George Benson, Ray Charles, Shalamar e outros.

Fonte: TMZ

Deixe uma resposta