Jacarezinho vai receber o novo núcleo da Central Cultura Urbana

A ONG cultural, esportiva e de desenvolvimento social, Central Cultura Urbana, vai implantar seu novo núcleo na favela do Jacarezinho, zona norte do Rio de Janeiro. O comunicado foi feito pelo presidente e fundador Fabrício Silvestre nesta segunda  18 de fevereiro. “Jacarezinho é uma das maiores favelas do Rio e com pouquíssimos projetos culturais e esportivos, o que têm não consegue atender a demanda de crianças, adolescentes e seus familiares que residem na comunidade. Estamos entrando para desenvolver um excelente trabalho na favela do Jacarezinho e Manguinhos.” Disse Fabrício

Com a implantação dos projetos, a comunidade vai mostrar seu lado cultural e esportivo tanto para o Brasil quanto para o exterior, quebrando essa imagem de violência que Jacarezinho tem hoje. Nos próximos meses vão ser oferecidas oficinas de teatro, dança afro, capoeira, artesanato, canto, percussão, música instrumental,  futebol, futsal, cinema e cursos de para capacitar jovens da comunidade para trabalhar nos projetos da Central Cultura Urbana.

Nosso objetivo é formar futuros artistas e atletas, para representar a cultura e o esporte da favela e mostrar que essas comunidades têm pessoas dignas, talentosas e capazes de superar os problemas que vivem no dia a dia e a opinião da sociedade de quem vive em favelas são bandidos e marginais. Disse Fabrício Silvestre

A Associação de Moradores do Jacarezinho – AMOJA é uma das parceiras para implantação da Central Cultura Urbana em Jacarezinho, as duas instituições vão trabalhar em conjunto para conseguir desenvolver projetos e ações voltadas especialmente para o desenvolvimento de Jacarezinho, uma das favelas pacificadas do Rio.

O Polifonia Periférica é um dos parceiros da Central Cultura Urbana e vai fazer a cobertura de todas as ações da ong que completa 2 anos no próximo dia 24 de fevereiro, mas na verdade a iniciativa existe desde 2008, onde o ator e produtor goianiense Fabrício Silvestre realizava aulas de teatro gratuitas para os moradores da comunidade do Jordão, no bairro Tanque. Montou um grupo de teatro com seus alunos, o Grupo Teatral Taquara, hoje Cia profissional da Central Cultura Urbana. Observando a carência de iniciativas culturais nas comunidades de Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio de Janeiro, Fabrício Silvestre, resolveu expandir a iniciativa, e em 2011, a Central Cultura Urbana foi fundada e desenvolveu vários projetos com um pequeno recurso financeiro. Entre 2011 e 2012 foram atendidos mais de 500 alunos, formando novos artistas. Foram produzidas algumas peças de teatro, além de apresentações de percussão, capoeira e dança afro em diversos pontos do Rio, destacando a apresentação para o Embaixador da Organização Mundial de Saúde Yohei Sasakawa e o secretário de Estado de Saúde, Sérgio Côrtes. Os principais projetos da instituição são: Cultura Que Transforma, Rio Atletas do Futuro, Semana Afro Urbana, Grupo Teatral Taquara – GTT, Cine Clube Urbano, Encontrão CCU, Vamos Juntos com a Cultura Eliminar a Hanseníase, Ação Cultural, Eco Recriar entre outros.

Curta as Fan Page oficial da Central Cultura Urbana e fique por dentro das novidades da ong.

Facebook.com/centralculturaurbanaoficial

Facebook.com/rioatletasdofuturooficial

E-mail: contato@centralculturaurbana.com

One thought on “Jacarezinho vai receber o novo núcleo da Central Cultura Urbana

  1. oi,boa tarde eu gostaria de saber uma informação ?eu fiquei sabendo que pra quem quizer trabalhar no rock in rio tem uma ong ai dentro do jacare que esta fazendo a incriçao do pessoal vcs sabem mi dar uma opoziçao se e verdade.
    OBRIGADO

Deixe uma resposta