Hot e Oreia se consolidam no Rap nacional com “Crianças Selvagens”

Dirigido por Daniel Ganjaman, apresentado por Djonga e com participações de Black Alien, Caetano Veloso e Nelson Ned, álbum chega hoje aos aplicativos de música Com direção de Daniel Ganjaman, chega hoje, 10, através da Altafonte, "Crianças Selvagens", o segundo álbum de Hot e Oreia, o duo mais irreverente do mundo do Rap. Sem dúvidas com este álbum a dupla consolida seu lugar no hip hop nacional. Nas dez faixas, produzidas por Rafael Fantini e beats do Tropikilaz, Vhoor, Coyote e Deekapz há participações de Black Alien e Naty Rodrigues e samples com a voz de Caetano Veloso e Nelson Ned. "Nosso segundo álbum vem talvez para completar a frase que o Rap de Massagem disse ano passado. É um álbum que

Hot e Oreia lançam primeiro single do novo álbum com participação de Black Alien

"Papaia" fala sobre educação sexual e tem produção musical de Ganjaman e Rafael Fantini Hot e Oreia escolheram "Papaia" como primeiro single a disponibilizarem do novo álbum da dupla mineira, que vem ganhando cada vez mais notoriedade na cena fazendo um rap autêntico e com boas pitadas de humor. A importância deste lançamento, que acontece nesta quinta-feira se torna ainda maior, devido a participação da lenda, Black Alien, referência máxima para a dupla.  "Esse cara é uma escola para nós desde o tempo que começamos nas batalhas e se mantém hoje como um dos principais nomes do hip hop nacional. A parceria acabou rolando de forma inusitada. Postei um vídeo cantando um verso nas redes e perguntando quem a galera gostaria de

Black Alien dá aula de rap com o álbum “Abaixo De Zero: Hello Hell”

Depois de um hiato de 11 anos entre seus dois primeiros discos, “Babylon By Gus – Vol. 1: O Ano do Macaco” (2004) e “Babylon By Gus – Vol. 2: No Princípio Era o Verbo” (2015), o lendário e genial rapper Black Alien apresentou seu novo álbum “Abaixo de Zero: Hello Hell. O single/clipe “Que nem o meu cachorro”, lançado no meio de março, antecipou a volta do rapper Black Alien ao álbum — seu último disco foi “Babylon by Gus – Vol. II: No princípio era o verbo”, de 2015. O álbum vem com arte elaborada pelo skatista, artista gráfico, MC e produtor paulistano Parteum com foto do próprio Black Alien. Composto de nove faixas, “Abaixo de zero: Hello hell” tem

Black Alien anuncia primeira música do disco que sai em abril; confira a capa

Em 7 de março de 2019, Black Alien, por meio de suas redes sociais, anunciou que um trabalho novo chegaria no dia 14 do mesmo mês. Nesta segunda (11), o portal UOL divulgou que se trata de uma música inédita, chamada “Que Nem Meu Cachorro” e acompanhada de um videoclipe. Segundo informações do site, “Que Nem Meu Cachorro” é o primeiro single do novo e terceiro álbum do lendário rapper fluminense, intitulado Abaixo de Zero: Hello Hell e cujo lançamento é previsto para abril de 2019. As capas da faixa e do disco são de autoria de Parteum, importante emcee paulistano e amigo pessoal de Gustavo. O clipe, por sua vez, foi produzido por Premier King e conta com imagens gravadas em uma das clínicas de

Última edição do ano do “Rael Convida” promove reencontro do cantor com seu antigo grupo, Pentagono

A última edição de 2018  do programa do cantor Rael no YouTube, que promove encontros com outros artistas, traz um momento especial: a reunião com o Pentagono, primeiro grupo do cantor e MC. Eles reinterpretam seus antigos hits, agora em formato acústico com voz e violão. Surgido em 2001, o Pentagono foi um dos responsáveis por mudar o cenário do rap no Brasil, trazendo mais melodia ao gênero, assim como variações de levadas na rima que eram pouco conhecidas, como o speedflow (rima em alta velocidade) e o rap mais cantado, que lembra muito o estilo ragga, da Jamaica. Após lançar quatro discos, o grupo decidiu pausar a operação e cada integrante seguiu com sua carreira solo. "Quando a gente tocava essas músicas para  pessoas que não eram do

Black Alien é a atração do “Rael Convida” de agosto

Rael & Black Alien - credito: Victor Balde A edição de agosto do programa traz ao Lab Estúdio um dos MCs que é referência para muitos artistas, incluindo Rael, que o considera um dos maiores rappers do Brasil: Black Alien. Reverenciado por seus trabalhos em dupla com SpeedFreaks e o grupo Planet Hemp, assim como seu impactante disco de estreia, Babylon by Gus – Vol. 1: O Ano do Macaco (2004), o MC Gustavo de Almeida Ribeiro se destaca até hoje pela pluralidade de temas e abordagem bem fora do padrão dos demais MCs do país. Retomando a carreira depois de um período de reabilitação de dependência química, Black Alien tem sintonia já de longa data com Rael, seja no estúdio, na