Spike Lee ganha primeiro Oscar ‘oficial’

Por Daniel Reininger

Spike Lee não saiu de mãos vazias do Oscar 2019. Demorou, mas Spike Lee venceu o Oscar de Melhor Roteiro Adaptado por Infiltrado Na Klan, sua primeira estatueta na competição! O mais legal é que quem anunciou sua estatueta foi seu amigo Samuel L. Jackson, que não se conteve e gritou de alegria no palco quando viu o nome do diretor.

Vale lembrar que, em 2006, o americano ganhou um Oscar Honorário. Na época, criticou a quantidade de negros concorrendo ao prêmio, algo que a Academia têm se preocupado em resolver recentemente. Mesmo com essa tentativa de mudança, vale lembrar que apenas seis cineastas negros foram indicados na categoria de direção até hoje.

Discurso de Spike Lee:

Hoje é 24 de fevereiro, o mês mais curto do ano. Também é o mês do ano da história negra. 1619… Há 400 anos nós fomos roubados da África e trazidos para a Virginia, escravizados. A minha avó, que viveu até 100 anos de idade, apesar de sua mãe ter sido escrava, conseguiu se formar. Ela viveu anos com seu seguro social, e conseguiu me levar para a universidade NYU. Diante do mundo, eu gostaria de reverenciar os ancestrais que construíram esse país, e também os que sofreram genocídios. Os ancestrais que vão ajudar a voltarmos a ganhar nossa humanidade. As eleições de 2020 estão chegando, vamos pensar nisso. Camos nos mobilizar, estar do lado certo da história. É uma escolha moral. Do amor sobre ódio. Vamos fazer a coisa”.

Fonte/Texto: Cineclick

Deixe uma resposta