ANX lança EP colaborativo “Modo Operacional” com o selo Modus Operandi

"Modo Operacional" é um EP colaborativo entre o grupo gaúcho ANX e o selo paranaense Modus Operandi, o projeto encabeçado pelos rappers e produtores Robinson "Chocolate" e Mike Oliveira, contém 5 faixas e além de batidas dos dois produtores, conta também com a produção do DJ gaúcho Pedro Loccoo na faixa "IsPunk". Na faixa "festa de malokeiro" temos scratchs do mago das bolachas DJ Samu e o trabalho foi enriquecido com as participações vocais de Amanda More, Nappa, RP e Travolta em uma mescla de rimas sujas e batidas de pista. De uma forma contemporânea e criativa aborda principalmente temas relacionados com conduta, ética, valores, vivência e a realidade do novo jovem brasileiro. Desenvolvido por Lado Sujo da Frequência & Cria da Rua

Airon lança a mixtape “Cédulas Mágoas e Cafeína”

Na última quarta-feira (15/08/2018), o Rapper do Rio Grande Do Sul, lançou seu primeiro disco, praticamente todo produzido por ele mesmo.  A mix traz assuntos como a busca do dinheiro, a falta do mesmo, decepções amorosas e a vivência de um jovem sonhador nesse caos suburbano!  Os beats ficaram por conta dos beatmakers, Costa, LCS, Franciozi, Bertoi e John Seth. Gravado no seu próprio home estúdio, e com mix/master feitas pelo próprio Rapper. Não perde tempo e confere esse belo trabalho, Disponível no Youtube e no soundcloud e logo menos em todas as plataformas digitais. https://www.youtube.com/playlist?list=PLykW15gdpuZA4v05TObRtZ3Dj01OiFyqv

Antítese Rap lança clipe ‘Da Selva a Serra’ com participação Alaska Pro

Antítese Rap - Da Selva a Serra part Alaska Pro

Antítese Rap, grupo de RAP da cidade de Novo Hamburgo no Rio grande do Sul, composto pelos Mcs MTS e ATL, lançou nesse sábado (9) em seu canal no Youtube, o videoclipe do projeto "Da Selva a Serra" em parceria com o grupo Alaska Pro, da serra gaúcha. O Som da collab foi produzido pela Plano D Records da cidade de Esteio-RS, conta com o instrumental do beatmaker Sasset da MegaZord Rec. O audiovisual vem com a assinatura de El Guaxi. Uma ótima oportunidade para conferir a força do rap produzido no Rio Grande do Sul. Antítese Rap e Alaska Pro são dois nomes de um universo de muitos talentos que há no sul do Brasil. https://youtu.be/Udq1DHihHxU

D.U.C.K lança videoclipe do single ‘Zangbeto’

Por Niara Asantewaa D.U.C.K é um MC e Beatmaker preto nascido no extremo sul do país, que há mais de 10 anos se envolve com o movimento / cultura Hip Hop no Rio Grande do Sul, atuando principalmente nas cidades de Rio Grande e Pelotas. Na sua caminhada, D.U.C.K já lançou diversas produções que colocaram seu nome na cena e seus dois trabalhos mais recentes como MC, o primeiro álbum solo intitulado A.L.B.R. (2016) e a EP AfroGANG (2017) mostram que ele não é apenas um dos MCs mais importantes e respeitados do extremo sul como também um dos melhores beatmakers da região. ZANGBETO é fruto do encontro das experiências vividas pelo MC e seus manos nos lugares onde nasceram com uma

Dona Maria Mc lança clipe ‘Confronte-se’

A cantora, compositora e rapper gaúcha Dona Maria Mc disponibilizou neste domingo (8) o single e clipe “Confronte-se”, segundo trabalho da artista em 2018. A música, com produção assinada por Jay Gueto, é marcada por uma bela linha de baixo que contagia e determina toda cadencia do som. Na letra Dona Maria faz questionamentos sociais e políticos e expõe seus pontos de vistas sobre os mesmos. O clipe vem sob a direção de Gabriel XVK da Take Independent que explora o espaço urbano com uma sequencia de imagens bem produzidas e editadas. https://youtu.be/3Cp20rF55v8

Jay-Gueto fala sobre ‘a mão da responsabilidade com o Hip Hop no clipe ‘Sonho de Guri’

Desde o titulo do som à referências como Madyer Fraga, Zudizilla e ML FQV (todos artistas do Rio Grande do Sul). A música traz uma bandeira de evidenciar mais as artes e culturas da região. O som em si é sobre como é o sonho de ser MC, mostrando duas fases, antes e pós-envolvimento com um dos elementos do Hip Hop. Num clássico Boom Bap com uma timbragem 90's, o MC traz algo que não pode ser perder no Rap Nacional, a mão da responsabilidade com o Hip Hop! ''não é a questão do estilo da batida e sim da consciência que todos temos que ter quando fizemos parte do movimento Hip Hop''. afirma Jay-Gueto Com instrumental de Ioda Beats, scratches de