“Jaca Contra o Corona” – projeto une coletivos na luta pelo enfrentamento da pandemia do Covid-19

Por Gustavo Silveira

Jaca Contra o Corona” é um projeto que une coletivos na luta pelo enfrentamento da pandemia do Covid-19 na favela do Jacarezinho, situada na zona norte do Rio de Janeiro, com mais de 37 mil habitantes, segundo o Censo Demográfico do IBGE de 2010. A organização, intitulada “LabJaca”, é um laboratório que atua nas áreas de comunicação, produção de dados e informação. Teve início em abril e se fez a partir da união do NICA Jacarezinho (pré-vestibular comunitário) e Jacaré Basquete (projeto esportivo), com apoio do Jacaré Facilitador (curso de estética para os moradores), que cedeu espaço para atendimento de famílias beneficiadas pela iniciativa, já que o projeto tem os intuitos de assegurar a alimentação dos moradores que estão em situação de vulnerabilidade e promover a conscientização sobre os perigos e cuidados em relação à propagação do vírus dentro da comunidade. Thiago Nascimento, um dos idealizadores do projeto, responsável pelas relações externas da equipe, conversou com o Polifonia Periférica sobre o assunto e destacou:

– A iniciativa surge levando em conta que os dados oficiais do governo não condizem com a realidade e, vale ressaltar que, o Jacarezinho é a favela com maior índice de tuberculose, segundo a secretaria de saúde do município do Rio de Janeiro.

Foto: Gerente

A meta inicial era atender 200 famílias, mas o projeto tem sido tão efetivo que já conseguiu dar suporte a mais de duas mil. O foco no momento é ajudar os moradores cuja renda gira em torno dos Bailes Funk da região, entre eles estão os DJs e barraqueiros, pois os eventos estão suspensos durante o período de quarentena, o que inviabiliza suas atividades econômicas. O grupo pretende arrecadar doações para estes trabalhadores e após a campanha vão transmitir uma live do “Baile do Jaca” como produto final da campanha.

                A equipe do LabJaca é formada por:

                – Coordenadora de pesquisa, Bianca Peçanha @biancatpe
                – Coordenador de comunicação, Bruno Souza @vvracional
                – Gestora financeira – Mariana de Paula @mariana_de_paula
                – Coordenadora de operações, Mariana Galdino @egaldino
                – Relações institucionais, Seimour Souza @seimour_
                – Relações externas, Thiago Nascimento @thgnascimento_
                – Coordenador de operações, Vinicius Morais @barba.falhada          

Para conhecer mais de perto, colabore seguindo as páginas @jacacontraocorona e @labjaca no instagram, compartilhe as iniciativas e faça doações na conta:

Acompanhe também a série “Na visão do morador” veiculada no instagram do LabJaca. Ela está prevista para um total de 4 episódios, metade deles já estão disponíveis e contém entrevistas e um acompanhamento de perto da situação vivida no local, contada pelos próprios agentes da comunidade. O roteiro e a direção são feitos por Bruno Sousa @vvracional , Mariana Galdino @eugaldino e Vinicius Morais @barba.falhada e a cobertura de imagem, som e edição fica por conta de Max Chagas @maxchagas_ e Gerente @gerente_rique .

“Jovens negros, potentes e atuantes, nós somos a cara do LABJACA”.

Obrigado a todos que nos acompanham, Gustavo Silveira, a.k.a Caliban, Polifonia Periférica, até a próxima.

Sharing is caring!

Deixe uma resposta