Novo disco de Elza Soares terá participação de Ilú Obá de Min

Finalizando seu novo álbum, “Deus É Mulher”, a cantora Elza Soares contou com a participação do grupo, Ilú Obá de Min, formado apenas por mulheres. O bloco afro gravou percussão e vozes em duas músicas do novo disco, “Dentro de Cada Um”, com arranjo percussivo regido pela maestrina Beth Belli, e “Banho”, de autoria da cantora Tulipa Ruiz. “As meninas do Ilú fazem um trabalho lindo. Esse disco novo precisava delas. Mulheres, negras, que cuidam da memória da nossa ascendência africana, dos nossos costumes. Sinto que ao convidá-las eu completei o disco e fiz justiça. As duas músicas que elas gravaram são especiais pra mim. Pois é, estou feliz, cara”- diz Elza.

O título, que sugere um mundo com maior expressividade feminina, traz uma ideia de sucessão do álbum “A Mulher do Fim do Mundo”, no qual ela denunciava uma forma de pensamento ainda arcaico e propunha o fim de uma era essencialmente machista e preconceituosa. O Ilú Obá de Min reforça a energia feminina do álbum, assim como a presença de Mariá Portugal (bateria, percussão e MPC) e Maria Beraldo (clarinete e clarone) na banda que participa das gravações.

O álbum é produzido por Guilherme Kastrup, com coprodução de Romulo Fróes, Marcelo Cabral (baixo e bass synth), Rodrigo Campos (cavaquinho e guitarra) e Kiko Dinucci (guitarra, sintetizador e sampler). 

“Deus É Mulher”  será lançado pela gravadora Deck em maio.

Deixe uma resposta