Assista Pretos no Topo – Moonlight, J. Cole e Coruja BC1, novo episódio do Quadro Em Branco.

O terceiro episódio do excelente canal “Quadro Em Branco” foi ao ar nesta terça-feira (2) e desta vez Henrique Jacks  aproveitando o premio de melhor filme ganho por “Moonlight” faz uma análise, a partir da obra de Baco Exu, Djonga e Froid, da reação de artistas negro sobre a predominância de artistas branco no rap que é um gênero negro em sua essência. Henrique Jacks traz uma reflexão extremante inteligente e profunda, mas com uma linguagem simples e bem didático sobre a questão e deixa claro que o caminho é perpetuar ações como  Preto no Topo.

– Com Moonlight ganhando o Oscar de melhor filme, não consigo imaginar um momento melhor pra discutir o assunto do vídeo. A ideia surgiu e de um dia pro outro já coloquei em prática, e acredito que o resultado ficou bem interessante: como sempre, consegui misturar rap com outros assuntos e dessa vez falei um pouco sobre cinema e representatividade – declarou Henrique Jacks ao Polifonia Periférica.

Deixe uma resposta