Ponto Cine – Arroz, Feijão e Cinema

Ponto Cine 01

Localizado há oito anos em Guadalupe, zona norte do Rio de Janeiro, um dos bairros de menor IDH (índice de desenvolvimento humano) da cidade, o Ponto Cine tem por objetivo a formação de platéia e democratização do acesso às exibições cinematográficas. É a primeira sala popular de cinema digital do Brasil, com programação que privilegia o cinema nacional e filmes de arte. É também o único cinema da América Latina a receber o selo Carbon Free, por compensar suas emissões de carbono na atmosfera, com um plantio de mais de 12 mil mudas de mata atlântica, numa área de cerca de 27 campos de futebol.

Ponto Cine 02O Ponto Cine ganhou por seis anos consecutivos o PAR – Prêmio Adicional de Renda – concedido pela ANCINE, como maior exibidor de filmes nacionais em todo o território brasileiro.

À frente do projeto, está Adailton Medeiros, agitador cultural, profundamente envolvido com o desenvolvimento de projetos de inclusão social, ganhador, em 2009, do Faz Diferença na categoria cinema, prêmio dado pelo Jornal O Globo aos nomes de maior destaque em suas respectivas áreas.

Para além de um cinema que exibe filmes nacionais com um dos valores de ingressos mais baratos do Rio de Janeiro, o Ponto Cine também desenvolve projetos culturais como, o ProSocialCinema (Promoção Social de Cinema), que busca formar novas plateias para o cinema brasileiro; o projeto Oficine-se – que apresenta a alunos de instituições públicas o olhar por de trás das câmeras, com oficinas que mais do que ensinar operar um equipamento, propõe ver o mundo com outro olhar;  Cine Literário, que leva midiotecas com livros e filmes nacionais para dentro das escolas públicas, afim de aproximar o cinema e a literatura da realidade da sala de aula e o Dialogos Com O Cinema, evento que acontece quinzenalmente aos sábados e segundas-feiras, com exibições de filmes brasileiros para um público formado por professores, seguido de debates com diretores, atores e/ou profissionais do audiovisual, com a proposta de gerar um interação.

Ponto Cine 03Nomes que já passaram pelo Diálogos Com O Cinema: Cineastas:  Cacá Diegues, Carla Camurati, Zelito Vianna, Selton Melo, Malu Mader e Mini Kerti, Eduardo Escorel, Lúcia Murat, José Carlos Asberg, José Joffily, Eryk Rocha, Brunno Viana, Paulo Pons, Leonardo Domingos, Nelson Pereira dos Santos, José Eduardo Belmonte, Luis Fernando Carvalho, Paulo Halm, Patrícia Pillar, Anna Azevedo, Luciano Vidigal, Rodrigo Felha, Cacau Amaral, Luciana Bezerra, Murilo Salles,Wagner Novais, Renato Terra; Atores: Selton Melo, Malu Mader, Murilo Rosa, Caio Blat, Matheus Nachtergaele, Patrícia Pilar, Emiliano Queiroz, Bianca Comparato, Tadeu Mello, Rosane Mulholland, Bernardo Mendes, Lucas Salles, Vitor Thiré, Bayard Tonelli, Togun, Flávio Bauraqui, Cíntia Rosa, D´Black, Anjo Lopes, Eduardo Dussek.

O Ponto Cine também prestou consultoria para a escola de samba Acadêmicos do Salgueiro, quando a mesma apresentou na avenida um enredo sobre o cinema, dessa parceria a equipe do Ponto Cine idealizou um documentário que será lançado no início de 2015.

Todos os projetos do Ponto Cine passam necessariamente pela educação. O vitorioso ProSocialCinema, é o melhor exemplo disso. O Ponto Cine acredita que a estratégia mais consistente para formar platéia, difundir e “criar” o gosto pelo cinema brasileiro é a que dialoga com as crianças e jovens que estão nas escolas. É um processo que passa pela alfabetização do olhar, pelo prazer e apuração do gosto estético.

Deixe uma resposta